sábado, 2 de abril de 2011

J'accuse

Guerrilha...
Vocês não sabem o que é uma guerrilha...
Nós sabemos.
Nós sabemos todas as suas táticas.
Nós as criamos. Lembram-se?
vocês?
vocês não têm como acabar conosco;
Nós somos o Poder;
Nós somos a Força;
Nós somos o Controle;
Nós somos a Voz.
Nós contamos a História a vocês.
Nós falsificamos suas ideologias.
Nós somos seus Heróis.
Nós somos a sua falta de criatividade;
Nós somos a sua falta de imaginação;
Nós somos o seu ódio por política;
Nós somos o seu ódio pela nação;
Nós somos!
vocês?
vocês não são nada;
vocês são meros números;
vocês são letras minúsculas;
vocês não tem ideia;
vocês não tem lugar;
vocês não tem dinheiro;
vocês dependem exclusivamente de Nós;
o que vocês são?
vocês Nos servem
em suas pequeninas indiferenças;
vocês não prestam para nada;
vocês são inúteis;
meros fragmentos de um passado
que preservaremos para nunca mais voltar;
vocês não pintam mais a cara;
vocês não fecham mais o cerco;
vocês não aumentam a voz;
vocês só abaixam a cabeça;
vocês não tem voz;
vocês seguem a Nossas regras;
e, dentre vocês, não haverá nenhuma exceção;
vocês não lutam;
vocês não fazem nada.
Nós!
Nós somos a Força do Poder;
Nós destruímos vocês;
Nós destruímos seus verdadeiros heróis;
Nós acabamos com suas forças;
hoje, vocês são nada
comparados a Nós!
Nós somos seus diplomas,
Nós somos suas notas,
Nós somos suas matérias entediantes,
Nós somos professoras de saltos altos,
Nós somos professores que nunca desceremos do pedestal.
Nós erguemos nosso pedestal!
Nós não temos obrigação nenhuma com vocês.
vocês nunca vão saber de nada.
E, no fim, vocês se tornarão Nós!
E lutarão contra vocês,
e também usarão saltos altos contra as gentes,
dirigirão seus carros indefectíveis,
terão suas famílias perfeitas,
e arruinarão a vida de alunos como vocês são hoje.
vocês sabem o que é guerrilha?
Nós sabemos.
Nós podemos.
vocês existem.
Nós SOMOS!

3 comentários:

Carmen Figueiredo disse...

J'accuse, gostei do título e tudo mais.

Carmen Figueiredo disse...

J'accuse. Gostei do título e do final. realmente eles somente existem, mas o mais importante é ser.

Mariana Belize disse...

Ihhh, Carmen. Esse texto tem um contexto tão enorme que eu nem tinha pensado nessa possibilidade de interpretação.
Obrigada pelo comentário!
Beijos,
Mari