quarta-feira, 23 de setembro de 2015

amor
é poeira que se junta atrás da porta
lugar nunca varrido
sempre esquecido

Nenhum comentário: