sábado, 26 de setembro de 2015

I-ching

Esqueci o que ia dizer. Mas estão todos indo embora. Mesas vazias deviam me levar ao desespero. Não me abalo mais com a alegria alheia. Hoje foi um dia de conclusões suspensas mas profundamente estudadas. Esquisitas razões. É estranho posar para o vento e sob fumaça e sob gritos de loucura e álcool. E fogo. Há fogo sim. E há vento.
Eu, brisa. Eu, tempestade.
Mariana Belize

Nenhum comentário: