terça-feira, 27 de outubro de 2015

Mulheres

depois de ontem
quando hoje chegou
eu nem vi

dobrei a esquina outra vez
e de dentro do lamento
perdi a distância

depois do dia de ontem
a noite foi uma perda
de sono
de poema
de qualquer coisa

Nenhum comentário: