segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Carnificina

Pensamentos vagueiam procurando o lar
Faço-os todos morar aqui no papel
Enquanto minha carcaça exposta
Descansa no amanhecer de fogaréu