segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Maquiavel

É um mistério esse teu olho
esquerdo:
quase me predestina a me pôr
toda Ísis
e vagar, catando teus pedaços,
nas areias quentes da copacabana...

Mas só se tu já não tivesses
tua divina afrodite
ave canora e cega
trancada em gaiola de ouro
criada a alpiste europeu
e música clássica alemã.