sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Tempestade

Sob os trovões noturnos
colho teus beijos...
rosas nascidas
do útero dos relâmpagos...