quinta-feira, 28 de abril de 2016

Arcanjo

Perdi o foco, fechei a vida. Antes do dia terminar, estaremos afundados em clichês invisíveis. Fugi do fascínio obtuso do sistema, dentro de um ônibus, dentro de casa, dentro do banheiro, há a escuta disparada de um corretor tirano. Dentro da noite, encontrei meu escudo, a espada enviada pelos anjos, o planeta inteiro escolhido para o fim. A batalha será cruel com aqueles que não estão preparados. O céu estará aberto até o fim de semana.
Quem é como Deus?

Nenhum comentário: