sexta-feira, 18 de novembro de 2016

quem não tem
pronde ir
não se rende
ao próprio destino
carrega a roda,
a sina e a lua
do existir:
é Andarilho.
Mariana Belize

Nenhum comentário: